F8: Realidade Aumentada pode decretar o fim de todas as telas e os bots se tornam ainda mais flexíveis e menos individuais.

Publicado por

Publicado a 20 de abril de 2017


A conferência F8 do Facebook, que aconteceu nos dias 18 e 19 de abril, na Califórnia, revelou o que o Facebook planeja para a próxima década. Uma das tendências que mais chamaram atenção é o uso da realidade aumentada para criar uma realidade paralela, onde consumidores não precisarão mais de smartphones, tablets ou telas de TV para acessar informações digitais. Algo similar a um óculos deve se tornar a próxima interface para o mundo digital. O primeiro passo do Facebook foi criar uma plataforma para que desenvolvedores possam criar suas próprias apps de realidade aumentada.

Mas o fim das telas é um plano de longo prazo. No curto prazo, o plano B parece ser o uso das câmeras dos smartphones para acessar a realidade aumentada. No keynote de abertura, Zuckerberg deixou claro que a câmera será a primeira plataforma para aplicações de realidade aumentada. Segundo ele, “precisamos começar por algum lugar, e câmeras é o que temos de mais básico/acessível para iniciar algo desse tipo”.

Como exemplos, ele mostrou filtros para Instagram, que introduzem componentes ‘vivos’ aos videos, e também mostrou uma nova tecnologia, que converte fotos tradicionais(2D) em imagens 3D, possibilitando a aplicação de filtros animados.

O exemplo usado por Zuckerberg foi a foto de uma sala dos escritórios do Facebook que ‘virou’ 3D, graças à tecnologia. Ao vivo, várias aplicações de filtros foram demonstradas: ele fez a sala encher d’água, bolas de futebol quicando pela sala, uma nuvem e skittles pelo chão.

O plano de acabar com as telas é ambicioso (não esqueçamos do fiasco do Google Glasses) e poderá enfrentar a resistência de parceiros do Facebook atuais, como a Samsung, que fabricam TVs e Smartphones.

Outro destaque da F8 foram os Bots do Messenger. Hoje há 100 mil Bots no Facebook Messenger e no último ano 2 bilhões de mensagens foram trocadas em todo o mundo entre empresas e pessoas, de acordo com David Marcus, vice-presidente do serviço de mensagens do Facebook. E o dado que mais impressiona: o Facebook Messenger atingiu 1.2 bilhões de usuários ativos, um crescimento de 20% em relação ao ano passado.

Fonte: TechCrunch

O Messenger 2.0 permite criar Messenger bots para conversas em grupo, sendo possível por exemplo combinar com amigos em que hotel irão ficar, que voo vão marcar e efetivamente fazer as reservas em um bate-papo coletivo – tudo através de bots.  Será possível colaborar até na criação de uma playlist no Spotify.

Ainda sobre os Bots, o evento apresentou mais algumas novidades:

  • Apesar da multiplicação dos bots, não é simples encontrá-los. Para solucionar este problema foi adicionada uma nova tab “DISCOVER”, acessível a partir da “Home Screen”. Nesta tab, o Messenger disponibiliza categorias, bots recentemente adicionados, trending bots e um campo de pesquisa.
  • Finalmente, também foram apresentados QR codes para o mundo real que abrem determinadas experiências dentro de um bot, como também trazem novas funcionalidades para ajudar negócios. QR codes já existiam no Messenger, porém devem abrir novas funcionalidades agora e permitirão deixar os bots mais próximos ao ponto de venda (se o varejista o utilizar, por exemplo).

Outras novidades mostradas no evento foram:

  • Facebook Spaces: o aplicativo permite que você interaja com amigos dentro de uma realidade virtual. É possível baixar o app na Oculus Store.
  • Páginas do Facebook: agora o Messenger das páginas terá uma nova ferramenta, a Smart Replies, que permite enviar respostas automáticas previamente programadas para perguntas específicas.
  • Filtros: em breve o aplicativo oferecerá a opção de filtros para Stories do Instagram. “ Os famosos filtros estarão ligados ao projeto de realidade aumentada de Zuckerberg, permitindo que objetos também sejam reconhecidos, sendo criados filtros específicos para eles. A previsão é que os filtros apareçam nos dispositivos móveis nos próximos dias.”

 

Confira o vídeo com Mark Zuckerberg na conferência.

 

 

Fontes:

http://bit.ly/2o8Zwwv

http://bit.ly/2o0pOB0

http://tcrn.ch/2o6ecYu

http://bit.ly/2o8VG6J

http://bit.ly/2pX22m4

http://read.bi/2pX2W1G

http://bit.ly/2p0ga0D